A importância com as coisas sem importância


A vida vai avançada e nem damos conta o quanto estamos dando importância a coisas como pouca importância para a nossa existência. Sem perceber estamos ficando cada vez mais apegados aos objetos, a ponto de fazermos deles, algo quase que essencial para enfrentarmos o dia a dia. Viramos as costas para o sentimento e passamos a nos importar muito mais com o quê os outros pensam do que com o quê realmente nos importa.

E assim, vamos correndo atrás de metas inatingíveis, apenas para suprirmos as nossas necessidades momentâneas, sem nos importarmos com nossas necessidades existenciais. Hoje em dia, nos interessamos muito mais pelo “ter’, do que pelo “ser”. É só olhar a nossa volta, que é possível encontrar pessoas no seu limite, estressadas, a ponto de explodir ao primeiro pisão no pé. Ninguém tem mais paciência para nada. Estamos todos em guerra com nós mesmos.

Não é difícil notar o quanto as pessoas estão ficando doentes, exigimos de mais de nós mesmos, pois, damos muito mais importância para as coisas que não são importantes para nós, ou pelo menos, não deveriam ser. Não estamos mais cuidando como deveríamos cuidar das nossas coisas importantes. Estamos enredados de tal forma, que o natural, é gostar e querer coisas que supram os nossos desejos de pose e, muitas vezes, fazemos a nossa vida um inferno, por isso.

O pior de tudo é que a cada dia que passa, vamos piorando ainda mais, perdemos um tempo precioso, correndo atrás de bichinhos virtuais, ao invés de corrermos atrás de uma boa conversa que gere gargalhadas de fazer doer à barriga. O mais importante da vida não nos parecer ter mais nenhuma importância. Estamos cada vez mais prisioneiros dos nossos desejos, que viver, não tem mais sentindo se não matarmos nossas vontades frívolas.

O problema não é o se interessar por coisas sem importância e, sim, o se perder e o se afastar daquilo que nos é realmente importante, que nos transforme em alguém melhor, afinal, pelo que eu acredito, estamos aqui para evoluirmos como pessoas. Não podemos passar os nossos dias entregues a uma luta por conquistas de coisas que não são tão importantes, ou que não deveriam ser. Mas o caminhar estar por demais, complicado.

Que todos nós, no nosso momento de silêncio, sejamos capazes de buscar no vazio da solidão que surge quando não se é possível concretizar aquilo que achamos que nos seria fundamental, mas que na verdade, não é, consigamos perceber a sutileza que a vida nos oferece de graça, que não precisamos ficar doente, brigarmos, nos estressarmos, só precisamos perceber o quanto perdemos de vida dando importância a coisas que jamais serão importantes.

Uma resposta para A importância com as coisas sem importância

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: