Lições que a vida ensina


Muitas vezes não entendemos o porquê que nada em nossa vida dá certo, o porquê de tanto sofrimento, com exceção da morte de entes queridos que nos causa um sofrimento que parece sem fim, mas que não temos como evitar, pois todos temos que passar por isso e as contas de vidas passadas que alguns tem pagar nessa vida, mas, como isso não é todo mudo que acredita então é melhor não tocar nesse assunto, somos nós os causadores de todo o nosso sofrimento.

Achamos que somos donos da própria vida e temos o livre arbítrio para pensar assim, mas nunca estamos preparados para aguentar as consequências de nossas escolhas. Por vezes, a vida nos apresenta situações que não são tão claras, mas mesmo assim, sobrepomos a elas, a nossa vontade e, feito crianças mimadas, batemos o pé, esperneamos, brigamos com pessoas, não aceitamos conselhos e, quando nos damos conta, já estamos enfiados até o pescoço no sofrimento.

Então, o que fazemos? Nos vitimizamos. Passamos acreditar que a vida não presta, que tudo está conspirando contra nós, que nada dá certo em nossa vida. Tem até quem acredita que o que passamos é resultado de algum mau querer alheio, às vezes, pode ser, mas, como esse também é um assunto delicado, melhor não falar mais sobre isso. O fato é que, para não termos nossa vontade contrariadas, tomamos atitudes impensadas, que acabam nos levando à dor e ao sofrimento.

E no meio de toda a dificuldade que nos colocamos, acabamos nos escondendo, fugindo dos problemas, pensando que assim, resolveremos a situação. Não! Quando viramos as contas para o problema, ele não some, ele fica ali, aporrinhando sua vida e o medo faz a vida ficar ainda mais difícil, vem angústia por não se sentir capaz de sair daquela situação. Só que nós é que os colocamos nesta ou naquela situação, portanto, cabe a nós, arregaçar asa mangas e enfrentar a vida.

Quando tomamos a consciência de que a vida é processo de como aplicamos o livre arbítrio para aquelas situações que nos são apresentadas, quando deixamos de ver a vida como um fardo, que deixamos de acreditar que tudo o quê nos acontece é efeito de situações externas e não da mera satisfação de nossa vontade, somos capazes de assimilar toda a dor e sofrimento, os transformando em lições para encarar novos desafios que a vida ainda vai nos apresentar.

É como diz aquela velha máxima: Ou aprendemos pelo amor, ou aprendemos pela dor. Só que nem damos contas, e acabamos sempre escolhendo aprender pela dor. O importante é entender que nossa vida só será verdadeiramente boa, quando estivermos felizes com ela, com as alegrias e as tristezas, com as facilidades e as dificuldades, com ou sem problemas e, sempre prontos e preparados para fazer novas escolhas. Certas ou erradas? Não temos essa certeza. Só temos que enfrentá-las, pois errar faz parte das lições que a vida ensina.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: