HOJE VOU BRINCAR DE SER FELIZ


CENÁRIO: QUARTO DE MENINA. ALGUMAS ALMOFADAS, UM DIÁRIO E UM TELEFONE CELULAR, TUDO COMBINANDO. AO FUNDO DO PALCO, UMA JANELA QUE MOSTRA UMA VISTA DA CIDADE. NO CENTRO, UMA ENORME CAIXA DE MÚSICA.

AO ABRIR AS CORTINAS, FOCO NA CAIXA DE MÚSICA ONDE ESTÁ NINA, VESTIDA DE BAILARINA, RODANDO AO SOM DE UMA VALSA.

NINA  – Nina,

              A pequenina do papai,

              A princesinha do lugar,

              Que se nega a crescer.

              Nina,

              A menina da mamãe,

              A alegria deste lar,

              Que não quer crescer.

              Vou ficar assim,

              Qual a bailarina

              Nessa caixinha de música,

              Para sempre protegida.

              Isso não vai ter um fim,

              Serei sempre a menina

              Vivendo de forma lúdica,

              As aventuras dessa vida.

              Nina!… Nina!… Nina!…

A MÚSICA VAI PARANDO COMO ESTIVESSE ACABANDO A CORDA DA CAIXA DE MÚSICA. TOCA O CELULAR. NINA DESCE DA CAIXA.

NINA  – (ATENDENDO O CELULAR) Alô!… Sei!… Sei!… Tá bom!

NINA DESLIGA O CELULAR.

NINA  – Mamãe!… Mamãe!… Acho que fiquei sozinha! Será que não é perigoso? Dizem que meninas como eu não podem ficar sozinha? Papai diz que o mundo tá mundo perigoso! Ele acha que eu não sei! Eu já falei pra ele que eu cresci, mas acho que ele não acredita! Eu pergunto para minha mamãe: Por que eu não posso sair? Todas as minhas amigas já podem sair sozinha, não sei por que eu não posso? Antes mesmo da mamãe responder, papai atravessa e diz: – Você ainda é uma menina, não é a hora?… Ele  fecha  a  cara  e logo manda uma bronca: Vê se desliga essa televisão e vai dormir!… Eles acham que não sei das coisas! Sei muito bem!… Eles que não conseguem enxergar que eu tô crescendo!

NINA PEGA O SEU DIÁRIO.

NINA  – Querido diário, hoje é um dia muito importante para mim. Hoje finalmente sou igual às minhas amigas. Isso mesmo! Pois, elas todas me achavam diferente, principalmente a Belinha (IMITANDO BELINHA) Não acredito que você ainda não menstruou? Papai sempre diz que ainda sou menina, por que eu já tinha que ter menstruado?… Mas, hoje vou me vingar dela! Ela vai ver só!… Sabe diário, vou te confessar uma coisa. Eu tenho medo desta mudança toda que está acontecendo dentro de mim. Às vezes, me sinto um monstro! Mamãe falou que menina é uma lagarta que vira borboleta, mas dói tanto!… Será que vai ser assim todo mês? E se for?… Acho que não vou querer isso, não!…

NINA SOLTA O DIÁRIO E CORRE PARA A CAIXA DE MÚSICA. COMEÇA RODAR AO SOM DE UMA VALSA.

NINA  – Nina,

              A pequenina do papai,

              A princesinha do lugar,

              Já começou a crescer.

              Nina,

              A menina da mamãe,

              A alegria deste lar,

              Uma mulher a florescer.

              Nina!… Nina!… Nina!…

A MÚSICA VAI TERMINADO COMO SE TIVESSE ACABADO A CORDA DA CAIXINHA. NINA DESCE.

NINA  – Mamãe!… Mamãe!… Já sou mocinha!… Será que papai não vai gostar mais de mim?… (IMITANDO A MÃE) Quando você crescer, precisa prestar muita atenção, porque homem não presta, minha filha, não presta! Mas, papai faz tudo pra mim!… Não entendo, mamãe!… Todas as minhas amigas já beijaram na boca, menos eu!… Será que sou feia?… Papai diz que sou sua princesinha!…  Acho  que deve ser porque os garotos acham que eu ainda sua criança! Papai acha!…  Eles acham que eu não sei das coisas!… Sei muito bem!…

NINA CORRE ATÉ A JANELA, ACENA PARA ALGUÉM. VOLTA E PEGA NOVAMENTE O DIÁRIO.

NINA  – Diário, você sempre entendeu os meus problemas, não é mesmo? Cada pedacinho da minha vida eu deixei registrado em você!… Mas, vou te confessar uma coisa. Teve muita coisa que eu não te contei!… E acho que daqui pra frente, vai ser assim! Não fica bem, uma mocinha como eu, contando o meus segredos pra você!… Até agora você foi leal, mas, que você cisme que eu te abandonei, e acaba entregando minha vida pra todo mundo? Acho que essa mudança mexeu comigo de verdade!… Papai vai ter de aceitar que eu cresci!… Será que ele vai ficar bravo comigo?… E se ficar?… Não quero que papai fique bravo comigo!…

NINA CORRE PARA CAIXINHA DE MÚSICA. COMEÇA A RODAR AO SOM DE UMA VALSA.

NINA  – Nina,

              A pequenina do papai

              Nina,

              A menina da mamãe

              Nina!… Nina!… Nina!…

A MÚSICA VAI TERMINANDO. NINA DESCE DA CAIXA DE MÚSICA.

Nina   – Papai!… Mamãe!… Eles insistem em não querer me ouvir!… Então não vai ter jeito!… Vou ter que mostrar que a princesinha do papai, cresceu! Que a menina da mamãe, já não é mais tão menina assim!… (TOCA O CELULAR) Alô!… Sou eu! Claro que tá tudo certo!… Deixa o papai e mamãe comigo!… Que vai ser um choque!… Isso acontece com todo menina!… Ou eles achavam que comigo iria ser diferente?… Claro que tenho certeza!… Cinco minutos!…

NINA DESLIGA O CELULAR E PEGA O DIÁRIO.

Nina   – Olha aqui diário, vou escrever isso aqui, mas não é pra ficar espalhando, viu?… Principalmente pra mamãe! Pro papai então, nem pensar!… Olha lá, hein? Vou confiar em você!… Posso confiar? Então lá vai!… Diário, a princesinha do papai, conheceu um garoto, ele vem buscar pra gente sair… Ele disse que vai me beijar na boca!… Confesso que eu tô tremendo… Ele diz que quer namorar comigo!… Quero só ver a cara da Belinha, quando ela me ver com ele!… Sabe, diário! Eu gostava daquela vida de criança, mas, a vida é assim mesmo!… Minha mãe fala, fala, fala, mas ele também teve que crescer!… E meu pai então? Se minha mãe não tivesse crescido, eu jamais estaria aqui!… Eles acham que eu não sei das coisas!… Sei muito bem!…

NINA VAI ATÉ A JANELA.

NINA  – Já tô descendo!…

NINA SOBE NA CAIXA DE MÚSICA.  COMEÇA A RODAR AO SOM DE UMA VALSA.

NINA  – Nina!… Nina!… Nina!…

BLACK OUT. FOCO NA CAIXINHA DE MÚSICA VAZIA, SOBRE ELA, AS ROUPAS DE BAILARINA. A MÚSICA VAI TERMINANDO.

APAGUAM-SE AS LUZES. FECHAM-SE AS CORTINAS.

                                                           – FIM –  

2 respostas para HOJE VOU BRINCAR DE SER FELIZ

  1. Izabel Machado disse:

    Muito bom. Enviei email com uma consulta. Obrigada, Izabel Machado

  2. Isabella disse:

    Não entendi direito . Alguém pode me explicar ?

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: