A roda viva da vida


Não existe situação mais desafiadora do que viver, a constante roda viva que a vida nos impõe, nos obriga a aprender lidar com as emoções para que possamos manter uma sanidade mental capaz de enfrentar esse exaustivo vai e vem de surpresas agradáveis e desagradáveis. Nascemos para sermos felizes, mas, esse carrossel que a vida nos coloca todos os dias, por vezes nos faz achar que viver vai muito mais além de nossas forças.

Queremos sempre ter a nossa vida sob o nosso controle e, às vezes, até achamos que temos o domínio pleno sobre ela, ao ponto de tomar atitudes que julgamos serem as mais corretas para atingir o nosso objetivo de sermos seres felizes. Ledo engano, pois, a vida é feita de ensinamentos e, situações que embora pareçam sólidas, podem desmoronar a qualquer instante, nos restando apenas nos segurar no balançar da roda viva.

Buscamos a cada minuto, situações que nos façam felizes, que nos afastem dos problemas, que não venham nos aborrecer, que tudo seja sempre de acordo com o quê planejamos, mas passamos muito mais tempo lamentado nossos insucessos, do que comemorando os nossos sucessos, mesmo porque, entender certas situações que a vida nos impõe, se obriga a ter um alto grau de compreensão do que realmente seja viver.

Nós sempre traçamos a vida em uma linha reta, para frente e para o alto e, diante desse quadro que pintamos, desejamos cada vez mais coisas boas para nossas vidas, não pensamos e não admitimos que coisas desagradáveis atravessem a linha da vida que desenhamos. Só que a vida é uma roda viva feita de altos e baixos, com trechos de curvas sinuosas e de muito pouca luminosidade que são difíceis de passar.

É preciso entender que o movimento da vida é feito de nascimento e morte, não apenas no sentido da matéria, é preciso entender que a vida, por ser uma roda viva em movimento constante, não é capaz de permanecer inerte e estática em uma única situação. Alegrias e tristezas, perdas e ganhos, vitórias e derrotas, sucessos e fracassos, são todas essas situações que fazem a vida ser desafiadora e valer à pena.

Não devemos achar que só o pior é o que nos acontece, muito menos achar que nossa vida é feita só de momentos ruins, pois, lá no fundo, sabemos muito bem que nada dura para sempre, nem para o bem, nem para o mal. Portanto, é preciso se entregar com toda a plenitude aos mistérios da vida, sem procurar respostas e nem fazer tantas perguntas, apenas aprender a ficar confortável para aproveitar todos os movimentos da roda viva da vida.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: